Relações com Investidores
  • -
  • -
  • -
  • -
  • -
  • -

Perguntas Mais Frequentes

PERGUNTAS FREQUENTES – GRUPAMENTO E LEILÃO DE AÇÕES

O que é um Grupamento?

Um grupamento consiste em reunir várias ações em uma, e ocorre quando uma companhia decide elevar o preço da ação para facilitar sua negociação em bolsa, pois entende que o preço baixo está dificultando as operações.

Por que fazer um Grupamento?

O grupamento de ações tem por objetivo o enquadramento da Companhia nas normas estabelecidas pela B3 para listagem em bolsa.

De acordo com os itens 5.2.f do Regulamento e itens 5.1.2 (vi) e 5.2 do Manual do Emissor, as empresas listadas precisam manter a cotação de suas ações em determinado valor mínimo estabelecido pela B3, e se comprometem a tomar quaisquer ações necessárias para corrigir seu valor em prazo determinado.

Por que as ações AMAR3 foram grupadas?

Devido ao fato de AMAR3 ter atingido valor abaixo de R$ 1,00 do período de 09/02/2023 a 24/03/2023, a Marisa Lojas S.A se submeteu ao processo de grupamento de ações para cumprir com as requisições estabelecidas pela bolsa, conforme comunicado à empresa via Ofício 451/2023-SLS, respondido em 11/04/2023. Para acessar a resposta clique aqui.

O grupamento de ações foi apresentado e aprovado em Assembleia Geral Extraordinária no dia 22/09/2023, conforme ata.

O que acontece com o meu investimento?

A operação não altera o valor do investimento total do acionista.

No processo, os fundamentos de geração de valor da Companhia e para o acionista permanecem inalterados.

Para todos os acionistas que tinham posição em AMAR3 até a data de 24/10/2023, sua quantidade total de ações foi grupada em lotes múltiplos de 5, se transformando em 1 ação a partir de 25/10/2023.

Por exemplo: Se o acionista possuía 10 ações, no valor de R$ 0,52 cada, em 24/10/2023, a partir de 25/10/2023 possuirá 2 ações, no valor de R$ 2,60 cada (0,52*5).

Caso o acionista não possua um múltiplo exato de 5, será feito o grupamento no maior número possível de ações, e as frações de ações resultantes do Grupamento serão apuradas, agrupadas em números inteiros e levadas a leilão a ser realizado no ambiente da B3 S.A.– Brasil, Bolsa, Balcão (“B3”). As condições e data para realização do leilão serão comunicadas oportunamente aos acionistas da Companhia e ao mercado em geral.

Uma vez concluído e liquidado o leilão das frações de ações, o resultado líquido do leilão será rateado entre os titulares das frações agrupadas, na proporção das suas respectivas frações. O pagamento dos valores devidos será realizado em data a ser oportunamente comunicada após o leilão a ser realizado no ambiente da B3.

O valor obtido no leilão será retornado diretamente ao acionista proprietário destas frações na data após a liquidação do leilão.

1) Tire suas dúvidas sobre o Informe de Rendimentos Banco Itaú

Como realizar meu primeiro acesso?

 

  1. Acesse correspondenciasdigitais.com.br/login << dúvida: acessando fui direcionado para este site: https://correspondenciasdigitais.itau.com.br/login, clique em Primeiro Acesso;
  2. Digite seu número de CPF e data de nascimento (Pessoa Física) ou CNPJ e data de fundação (Pessoa Jurídica);
  3. Escolha a opção para verificar a sua identidade (número de telefone ou e-mail). Caso não encontre seu número de telefone e e-mail, ligue para a Central de Atendimento ao Investidor através dos telefones: 0800 720 5299 (Telefone exclusivo para dúvidas de Informe de Rendimentos – disponível de 01/03 até 31/05) / 3003 9285 (WhatsApp) / 3003 9285 (Capitais e regiões metropolitanas) / 0800 720 9285 (Demais localidades) em dias úteis, das 9 às 18 horas;
  4. Digite o código recebido por e-mail e/ou telefone e crie a sua senha pessoal;
  5. Pronto, agora basta entrar com o seu CPF/CNPJ e a nova senha cadastrada para acessar os seus documentos. Os Informes de Rendimento estarão disponíveis em “meus informes” – pasta “2024”

 

Caso tenha esquecido a senha utilizada no ano anterior, siga o procedimento abaixo:

 

  1. Na plataforma, clique em “esqueci a senha”
  2. Digite seu número de CPF (Pessoa Física) ou CNPJ (Pessoa Jurídica);
  3. Digite o texto da imagem de segurança e clique em “próximo”;
  4. Selecione o telefone ou e-mail já cadastrado para o envio do código de segurança (token) e clique em “enviar código de segurança”;
  5. Digite o código de segurança (token) recebido e clique em “próximo”;
  6. Crie uma senha, que deve possuir no mínimo 8 (oito) caracteres contendo números e letras, e clique em “próximo”;
  7. Ao finalizar, você será redirecionado para a tela inicial do acesso. Os Informes de Rendimento estarão disponíveis em “meus informes” – pasta “2024”
1) Tire suas dúvidas sobre o Informe de Rendimentos Banco Bradesco
  1. Desde 2021, os informes de rendimentos deixaram de ser enviados via Correios (é uma iniciativa do escriturador para estar alinhado às práticas de sustentabilidade e digitalização/modernização do atendimento aos investidores);
  2. Para os acionistas (independentemente de ser correntista Bradesco ou não), é possível acessar o Informe de Rendimentos diretamente do Portal de Documentos Digitais Bradesco:

⇒ Acesse https://documentosdigitaiscustodia.bradesco/ e clique em “Primeiro Acesso”;
⇒ Digite seu CPF e data de nascimento, em caso de Pessoa Jurídica, digite CNPJ e data de fundação;
⇒ Para verificar a sua identidade, escolha uma das opções: número de telefone ou e-mail;
⇒ Digite o código recebido e crie sua senha;
⇒ Pronto! Seu acesso já foi criado. Basta entrar com o CPF ou CNPJ e a senha cadastrada.

III. Para os acionistas que são correntistas do Bradesco, há ainda outras duas formas adicionais de acessar o informe:

  1. Consulta e emissão do Informe de Rendimentos diretamente pelo Internet Banking:

⇒ Acesse o Internet Banking > Investimentos > Consultas > Informes de Rendimentos;
⇒ Em Ativos Escriturais, selecione “Consulta Informe de Rendimentos – 2ª via”;

  1. em qualquer Agência Bradesco mediante apresentação de documentos pessoais de identificação

Caso a sua posição esteja em ambiente de bolsa (B3), você também poderá consultar o informe de rendimentos via sua corretora.

2) Onde são negociadas as ações da Marisa?

As ações da Marisa estão registradas para negociação na B3 sob o código “AMAR3”, admitidas à negociação no Novo Mercado, nível mais elevado de práticas diferenciadas de governança corporativa.

3) Quais os direitos das ações ordinárias da Marisa?

Cada uma das ações ordinárias da Marisa confere ao seu detentor o direito de um voto em qualquer Assembleia Geral Ordinária ou Extraordinária de seus acionistas.

Os detentores de ações ordinárias têm direito ao recebimento de dividendos ou outras distribuições feitas aos acionistas da Companhia de forma proporcional às suas respectivas participações no total das ações de sua emissão.

Adicionalmente, em caso de liquidação da Companhia, os detentores de ações ordinárias terão direito ao rateio dos ativos remanescentes após o pagamento de todos os passivos na proporção de suas respectivas participações no total das ações de emissão da Marisa.

Os detentores de ações ordinárias da Marisa não são responsáveis por futuras chamadas de capital por parte da Companhia.

De acordo com a Lei 6.404/76, o Estatuto Social e as deliberações aprovadas em Assembleia Geral de Sociedade por Ações não poderão privar os acionistas dos seguintes direitos:

  • participar da distribuição de lucros;
  • participar do acervo da Marisa, em caso de liquidação;
  • fiscalizar, na forma prevista em lei, a gestão dos negócios sociais;
  • preferência para subscrição de ações, debêntures conversíveis em ações e bônus de subscrição, exceto em algumas circunstâncias específicas nos termos da legislação brasileira; e
  • retirar-se da Companhia nas hipóteses indicadas na Lei 6.404/76.

Em conformidade com o contrato firmado entre a Companhia, os Administradores e a B3 com respeito à listagem das ações no Novo Mercado, é vedado a Marisa ter ações sem direito a voto com direitos restritos de voto, a menos que antes ela seja excluída do Novo Mercado.

4) Como e onde a Marisa divulga suas informações?

Todos os fatos relevantes, anúncios de resultado e demais comunicados ao mercado da Marisa são divulgados de maneira simultânea na CVM/B3 e na área de relações com investidores website da Companhia (http://www.marisa.com.br), além de posteriormente encaminhados por correio eletrônico às pessoas que se cadastram para receber tais informações. Para se cadastrar, favor clicar aqui.

As demonstrações financeiras completas são publicadas anualmente no jornal Valor Econômico. Demonstrações financeiras trimestrais, press releases apresentações, fatos relevantes e avisos aos acionistas estão disponíveis na área de relações com investidores do website da Marisa (http://www.marisa.com.br). Outras informações sobre a Companhia também podem ser obtidas nos sites da Bolsa de Valores de São Paulo (https://www.b3.com.br/pt_br/) Comissão de Valores Mobiliários (www.cvm.gov.br).

5) Como investir em ações?

Antes de procurar uma Corretora de Valores, sugere-se que você estude o assunto no site B3. Contribuindo para o aprendizado do iniciante, a Bolsa de Valores de São Paulo elaborou Cursos sobre o Mercado de Ações. Clique nos links abaixo e confira:

Cursos on-line e presenciais

Como Investir na Bolsa

Depois disso, o próximo passo é você procurar uma Corretora de Valores. As Corretoras e outros intermediários financeiros dispõem de profissionais voltados à análise de mercado, de setores e companhias, e com eles você poderá se informar sobre o momento certo de comprar e vender determinadas ações para obter melhores resultados. Link para busca de corretoras: clique aqui).

Você também pode negociar ações via Internet. Para tanto, é necessário que você seja cliente de uma Corretora da B3 que disponha do sistema home broker, o qual permite a negociação de ações via Internet.

6) Como posso contatar a Área de Relações com Investidores?

Marisa S.A.
Rua James Holland, nº 422
São Paulo
01138-909
Tel: (11) 2109-3121 / 6269
Fax: (11) 3392-4276
www.marisa.com.br

João Pinheiro Nogueira Batista
Diretor Financeiro e de Relações com Investidores

E-mail: dri@marisa.com.br

Quaisquer questões não relacionadas a analistas e investidores devem ser encaminhadas para o Contato Marisa ou pelo telefone (11) 2109-6000.

O atendimento aos acionistas da Marisa é realizado nas agências do Banco Bradesco S.A., cuja sede está localizada na Cidade de Deus, s/n, Prédio Amarelo Velho, 2º andar, no Município de Osasco, Estado de São Paulo. O atendimento pode ser feito por: telefone (11) 3684-4522, fax (11) 3684-9441 e e-mail: 4010.acecustodia@bradesco.com.br.

7) Por que a Marisa utiliza EBITDA Ajustado?

EBITDA Ajustado é formado pelo EBITDA acrescido ou diminuído do resultado de equivalência patrimonial das empresas imobiliárias, da receita de aluguel de imóvel cindido, resultado não operacional, líquido e da participação de minoritários.

O EBITDA Ajustado não é uma medida de desempenho financeiro segundo as Práticas Contábeis Adotadas no Brasil, tampouco deve ser considerado isoladamente, ou como uma alternativa ao lucro líquido, como medida de desempenho operacional, ou alternativa aos fluxos de caixa operacionais, ou como medida de liquidez.

O EBITDA Ajustado não possui significado padronizado e a definição da Marisa de EBITDA Ajustado pode não ser comparável àquela utilizada por outras sociedades.

8) Como é feito o pagamento de dividendos?

O Estatuto Social da Companhia estabelece o pagamento de dividendo obrigatório aos acionistas da Companhia de pelo menos 25% do lucro líquido apurado nas demonstrações financeiras, ajustado de acordo com a Lei das Sociedades por Ações, a não ser que os administradores da Companhia informem à Assembleia Geral que a distribuição é incompatível com a condição financeira da Companhia e a distribuição do dividendo obrigatório for consequentemente suspensa.